Sobre o favoritismo animal, influencia cultural e o acidente de rodoanel

O favoritismo animal é qual selecionamos algumas espécies para estimar sobre outras como no caso de proteger os cães e gatos, achar um absurdo (o que de fato é) notícias de pessoas que fazem maus tratos a eles, mas não achamos nada de mais os porcos sofrendo presos nas ferragens do acidente de rodoanel, porque “já iam morrer de qualquer forma” e as centenas de maus tratos que sofrem os animais considerados comidas para nossa cultura diariamente em abatedouros, tanto no seu transporte, quanto no local sem higiene e condições mínimas de conforto aonde vivem como na forma que são mortos.

Lembre-se esse favoritismo animal é uma construção social, e pode ser revisto e reconstruida, pois nem sempre foi assim e nem sempre precisa ser assim.

O afirmação “todos fazem assim e por isso também faço” “sempre foi assim não” “é normal para nós” “ou meus familiares sempre fizeram dessa forma e eu também faço em respeito” são respostas para sustentar esse tipo de sofrimento a outros seres e nossa comodidade em não mudar nossas hábitos e consequentemente a sociedade, pois nós formamos a sociedade. Entretanto, claro que para as grandes empresas não é algo interessante, pois querem continuar na mesma forma de produção e que tenham compradores para isso. Esse pensamento é a base de muitas tradições antigas e cruéis (como o casamento infantil e mutilação genital de mulheres) que não tem mais cabimento e justificativa de existirem hoje em dia com o nível de conhecimento e consciência que temos.

Em países orientais por exemplo, há festivais que se alimentam de cães até hoje, e se um comedor de carne tivesse nascido lá provavelmente teria esse hábito, pois é uma tradição da cultura deles e muitos não conseguem ver o quanto isto é errado. No período deste festival, muitas famílias denunciam terem seus cães roubados para esse evento carniceiro.

Abaixo um vídeo demonstrando o dia a dia de quem tem um cão de estimação e um porco, vendo o comportamento dos 2 animais, há algo que justifique o porco ser selecionado para ser alimento e o cão para estimação? ambos não tem comportamentos de animais de estimação?

OBS Para os que só pensam em bacon, que não são poucos, você já provou a carne do cão para ver se é melhor que o bacon? e se fosse, começaria a comer cães e acharia que sua morte seria justificada por isso? pelo gosto de uma carne que te faz mal a saúde?

Sobre Rodoanel

Mensagem dos ativistas

Que seu coração e consciência seja mais forte que seu paladar.

Não seja um financiador deste tipo de comércio e tenha a capacidade de escolher conscientemente sua alimentação, o que é melhor para sua saúde e para os outros seres, pois você é o que come.

Reportagem do acidente

Para ler mais sobre o acidente, clique aqui.

Posts relacionados

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s